Arquivo | Desabafos. RSS feed for this section

Saudade.

28 mar

Ok, agora eu já posso parar de ler seus posts e sentir falta de você. Até porque eu nunca te vi, e nunca vou te ver… Sempre imaginei como seria poder te abraçar, como seria suas mãos… Se eu pudesse, eu voltava no tempo só pra reviver aquelas nossas conversas de madrugada. Eu dormia ouvindo sua voz cantando pra mim, pros meus sonhos. Você sempre foi a única pessoa que sabia exatamente o que dizer, em qualquer momento. Ninguém nunca mais foi como você era. Mesmo sabendo que era um sonho simples, nunca foi o suficiente para ser realizado. E cada vez mais, foi indo embora.O sentimento de perda, ah.. foi o pior. O pior sentimento da minha vida, até agora. Mas aí, você apareceu… já fazem 3 anos. Agora você já é um homem, e eu ainda não sou mulher. E ainda existe em você o adolescente que eu conheci em 2006. Não tenho mais a coragem que eu tinha antigamente. Eu queria bater na porta da sua casa só pra te pedir um abraço. Eu queria poder abrir a janela do seu msn e digitar alguma coisa. Eu queria te ver, passeando pelo shopping, nem que fosse de mãos dadas com a sua namorada, só pra realizar o meu sonho de criança de ter você por perto de mim pelo menos uma vez na minha vida. Eu queria parar de sorrir cada vez que vejo um post novo no Facebook com aquela risada esquisita que você não perdeu.

Você deixou em mim um sentimento bom. Deixou lições, que eu vou levar comigo pra sempre. Me ajudou a crescer, a saber aproveitar o que eu tenho, a contornar as situações e resolver os meus problemas. E mesmo que eu veja que você não está mais aqui, eu sinto. Sempre vou sentir.

sweet child o’ mine…